15 fevereiro 2012

Posted by Vinicius Nunes |

Desde a última década é uma tarefa árdua vender discos. Para que tem um selo ou gravadora no Brasil, os dados são ainda mais desanimadores. Mas, desde o fim do ano passado, uma luz chamada iTunes Store encheu os olhos de todos. É certo que demorou muito para chegar ao mercado nacional, mas o tempo está sendo recuperado.

“Era o que faltava para o mercado nacional voltar a crescer. É um jeito de investir em novos artistas. Antes investíamos no álbum e esperávamos o retorno em shows. Para um nome crescer demora uns dois anos e, com isso, estávamos diminuindo o número de gravações”, conta Rick.
Com a chegada da iTunes Store, o produtor está gravando um maior número de de artistas. Sem a obrigação de entregar discos ‘inteiros’, Rick aposta em lançamento por singles ou EP. A primeira experimentação do Midas Music, selo de Rick Bonadio, é com um dos seus maiores nomes, o NX Zero.
“Todo mês a banda lança uma faixa por lá, até o lançamento do disco inteiro. A previsão é agosto. As pessoas vão readquirir o hábito de consumir a música e ajudar o artista que ela gosta”.
De acordo com Bonadio, a iTunes Store demorou para chegar ao Brasil por política. A Apple não acreditava no Brasil pelo volume de pirataria e a forma como tratamos os direitos autorais. “Eles decidiram lançar no México, mas tiveram uma ótima surpresa com o nosso mercado. Em apenas 24 horas da loja brasileira no ar, vendemos cinco vezes mais que os mexicanos”, contou animado.
Para ler a entrevista completa e ver as apostas musicais do Rick Bonadio clique aqui
 

0 Comentários:

Postar um comentário